Dicas para escolher o colchão

Uma noite tranquila é muito importante, uma boa de sono é essencial para recarregar a energia, e preparar o corpo para o dia seguinte. Uma boa noite de sono depende muito do tipo de colchão que escolhe, quando comprar um deve apostar na qualidade. Um mal colchão pode causar vários problemas que prejudicam o seu sono, e, consequentemente, o seu dia-a-dia.

Problemas que um mau colchão pode provocar

  • Insónias;
  • Cãibras:
  • Dores musculares;
  • Dores nas costas;
  • Desvios de coluna;
  • Má circulação;
  • Formigueiro.

Dicas para escolher o colchão

Deve escolher um colchão com densidade ideal para cada corpo, ou seja, de acordo com o peso da pessoa ou pessoas que vão utilizar o colchão.

O colchão deve ser confortável, não pode ser nem mole nem duro demais.

Tenha atenção à escolha do tecido usado no forro. Os de algodão são mais confortáveis, pois seguram o lençol e são antitérmicos, os de poliéster com viscose são mais acetinados e o lençol desliza com mais facilidade.

Deve virar o seu colchão de 15 em 15 dias para evitar que se molde ao seu corpo e fique deformado.

A durabilidade de um colchão é de cerca de 8 anos, após este período deve trocar por um novo.

Tipos de colchão

Colchão de espuma

O colchão de espuma ó o mais comum, mais barato e mais vendido. Este tipo de colchão deforma-se com muita facilidade, por isso, deve-se trocar com mais frequência.

Colchão de molas

O colchão de molas não é indicado para casais porque quando uma pessoa se mexe em um lado do colchão, as molas movem-se e os corpos juntam-se criando um fundo no meio.

Colchão de látex

O colchão de latex é ideal para quem sofre de alergias, tem tratamento contra fungos, ácaros e bactérias. É um colchão mais macio e muito confortável e dura imenso tempo.