Quarto de bebé minimalista

A primeira tarefa para ter uma casa minimalista é ver-se livre daquilo que está a mais, ou seja, evitar excesso de mobiliário e apetrechos pois só irá trazer desorganização e confusão para a sua casa. Falando apenas no quarto do seu bebé, obviamente que vai querer muito mais isso, só assim o seu bebé vai ter o descanso que ele merece e ainda dar uma decoração muito bonita ao seu espaço.

Antes de tudo deverá dar prioridade à sua mobilização, pois vai precisar de se mover em vários sentidos e muitas vezes com alguma rapidez e se tiver várias coisas a dificultar essa movimentação vai ser muito mais complicado. Faça a organização da cómoda, do berço, da cadeira e do armário da roupa do bebé de forma a conseguir caminhar entre os móveis com uma grande facilidade. Opte ainda por mobiliário que sirva para mais do que uma função, melhorando assim o espaço e evitando excesso de mobiliário com apenas uma função.

Poderá ainda optar por utilizar prateleiras para organizar fraldas e outras coisas essenciais para o seu bebé, facilitando o acesso às mesmas, e evitando a utilização de uma gaveta ou divisão da sua cómoda. Assim além de ter o que necessita mais à mão, poderá ainda desistir da utilização de algum mobiliário que esteja em excesso.

As paredes devem ser pintadas com cores claras e muito discretas, se possível com tinta lavável, já que as cores muito fortes podem afectar as crianças e certamente que quer que o seu bebé esteja calmo e sereno no seu quarto. As mais utilizadas são o azul claro (para os meninos) e o rosa claro (para meninas) ou o verde ou bege muito suave.

Acima de tudo deverá utilizar apenas aquilo que e completamente essencial e evitar encher o quarto com “bonecos” e mobiliário desnecessário, pois vai fazer o quarto muito enfadonho e excessivamente cheio poderá cansar a própria criança que vai passar muito tempo dentro dele.